Para você o contador é só um custo?

Para você o contador é só um custo?

Para você o contador é só um custo?

Salvo em exceções, como é o caso do MEI – Micro Empreendedor Individual, toda e qualquer empresa deve ter um contador habilitado responsável pela escrituração contábil e, de acordo com o Novo Código Civil que está em vigor desde 2003, o contador possui responsabilidade solidária com o empresário por todos os atos e práticas adotadas pela empresa.

Para alguns empresários o contador tem sido tratado como um custo fixo, uma despesa a mais no final do mês, um item do qual, assim que se tiver oportunidade, busca-se uma redução nos valores pagos, criando-se com isso a ilusão de obter melhores resultados. Será que é isso mesmo?

O contador, além de fazer com que a empresa cumpra todas as exigências legais, fiscais e tributárias e que não são poucas, é responsável pela produção de relatórios que servirão de suporte paras as decisões da empresa, tais como: Balancetes, Balanços Patrimoniais, Demonstrativos de Resultado e Faturamento, Fluxo de Caixa, entre outros.

Agora, se você não está conseguindo perceber valor nos serviços prestados por seu contador, o ideal é que você se reúna com ele e fique a par de todas as obrigações que mensalmente ele cumpre e que talvez você não tenha conhecimento, mas que se por descuido deixarem de ser feitas, ocasionarão multas e autuações. Se mesmo assim você continuar com a falta de percepção de valor nos serviços prestados, o ideal é procurar outro profissional. Mas quando foi a última vez que você sentou com seu contador para ver a respeito do andamento da empresa?

Muitos cuidados contábeis devem ser observados na gestão da empresa, tais como: escrituração total, íntegra e completa da movimentação da empresa, registro e conciliação da movimentação bancária, controle patrimonial, distinção de patrimônio e movimentação entre a pessoa física (empresário) e a pessoa jurídica (empresa), suporte a classificação tributária dos produtos e assessoria na elaboração das obrigações relativas aos SPEDs (Escriturações Digitais) e etc…

Cabe salientar que existem alguns fatores externos as vontades do contador que ainda fazem com que o profissional contábil não tenha valor percebido pelos empresários. São situações que independem da qualidade da capacidade técnica e profissional do contador, pois decorrem da falta ou incorreção de informações que são originadas na própria empresa e que comprometem totalmente a qualidade, veracidade, fidelidade dos relatórios e resultados apresentados, ai a situação complica mesmo!

O fato é que país nenhum possui uma economia forte e sustentável sem um controle e registro contábil sério, efetivo, eficaz e gerencial. O mesmo se aplica as empresas que buscam longevidade em seus negócios. A adoção de práticas que fogem dos princípios contábeis, tributários e legais, produz falsos e provisórios ganhos e não dão sustentabilidade ao negócio.

O que você quer e espera de sua empresa? Longevidade, prosperidade, segurança e bons resultados? O que você espera de seu contador, um custo fixo ou uma assessoria efetiva? Lembre-se:O sucesso de um depende do suporte do outro.



Posts mais vistos

shares